238 - O Evangelizador - Nov-Dez/2016
 
Cadastre-se e receba o nosso informativo em seu e-mail.
Nome:
E-mail:
Bom dia! Bem vindo(a) ao Site da Paróquia São Benedito
Bauru/SP,
 
Geral | Qual o sentido dos objetos que vemos em todas as missas? O espaço celebrativo

Para que a celebração da missa seja bem vivida, precisamos estar preparados para bem viver este mistério. Para isso usamos sinais e símbolos que nos ajudam a visualizar o grande mistério que com o qual nossa fé se defronta. Um símbolo é algo visível que serve para me lembrar de algo invisível, ou seja, uma coisa que nos leva à outra. A cruz, por exemplo: sabemos que o crucifixo é apenas uma imagem, e não o próprio Jesus Cristo. Mas quando olhamos para cruz nos lembramos do sacrifício que Jesus fez por nós. Assim a cruz, como outros símbolos nos ajudam a entender melhor o que acontece na Liturgia. O local onde celebramos a Eucaristia, além disso, deve ser preparado com todo o carinho e respeito. A parte da igreja onde se celebra a missa chama-se presbitério.

 
1. Os santos são amigos de Deus. São pessoas como nós, que viveram neste mundo e souberam dar um bom exemplo de como amar a Deus, contribuindo muito para com a Igreja. Quando vemos as suas imagens lembramos que também nós devemos amar a Deus, e podemos assim contar com a ajuda dos santos nas nossas vidas.

2. A estante da Palavra ou ambão: é o local de onde é proclamada a Palavra de Deus durante a missa. É louvável que haja um ambão destinado às leituras bíblicas, à direita do altar, e outro para os comentários, à esquerda do altar, de maneira a se valorizar a “mesa da Palavra”.

3. Cruz: São Paulo diz que “a cruz é loucura para os que perecem, mas para os que se salvam é a glória de Deus” (1Cor 1, 18). Não se faz celebração sem lembrar a morte e a ressurreição de Cristo, por isso a cruz deve estar sempre presente.

(segue - clique para abrir)

 
Do humilde sentir...

Do humilde sentir de si mesmo                                                                                                             Imitação de Cristo – cap. 2
Todo homem tem desejo natural de saber; mas que aproveitará a ciência, sem o temor de Deus? Melhor é, por certo, o humilde camponês que serve a Deus, do que o filósofo soberbo que observa o curso dos astros, mas se descuida de si mesmo. Aquele que se conhece bem se despreza e não se compraz em humanos louvores. Se eu soubesse quanto há no mundo, porém me faltasse a caridade, de que me serviria isso perante Deus, que me há de julgar segundo minhas obras?
Renuncia ao desordenado desejo de saber, porque nele há muita distração e ilusão. Os letrados gostam de ser vistos e tidos por sábios. Muitas coisas há cujo conhecimento pouco ou nada aproveita à alma. E mui insensato é quem de outras coisas se ocupa e não das que tocam à sua salvação. As muitas palavras não satisfazem à alma, mas uma palavra boa refrigera o espírito e uma consciência pura inspira grande confiança em Deus.
Quanto mais e melhor souberes, tanto mais rigorosamente serás julgado, se com isso não viveres mais santamente. Não te desvaneças, pois, com qualquer arte ou conhecimento que recebeste. Se te parece que sabes e entendes bem muitas coisas, lembra-te que é muito mais o que ignoras. Não te presumas de alta sabedoria (Rom 11,20); antes, confessa a tua ignorância. Como tu queres a alguém te preferir, quando se acham muitos mais doutos do que tu e mais versados na lei? Se queres saber e aprender coisa útil, deseja ser desconhecido e tido por nada.
Não há melhor e mais útil estudo que se conhecer perfeitamente e desprezar-se a si mesmo. Ter-se por nada e pensar sempre bem e favoravelmente dos outros, prova é de grande sabedoria e perfeição. Ainda quando vejas alguém pecar publicamente ou cometer faltas graves, nem por isso te deves julgar melhor, pois não sabes quanto tempo poderás perseverar no bem. Nós todos somos fracos, mas a ninguém deves considerar mais fraco que a ti mesmo.
        Imitação de Cristo – Tomás de Kempis
Enviado pelo Sr. Arlindo Arthuso – SSVP Confraria de São Benedito

 
Geral| PROGRAMAÇÃO DE FIM DE ANO - 2016

Programação:

20/12 – 3ª feira – Adoração ao Santíssimo Sacramento na capela Nossa Senhora de Lourdes. 

21/12- 4ª feira – Mutirão de confissão na Matriz com vários padres a partir das 19:30h. Prepare o seu coração para receber Jesus neste Natal.

23/12 – 6ª Feira – Missa em ação de graças aos 11 anos de ordenação sacerdotal do Padre Márcio na Capela Nossa Senhora da Penha as 07h.

24/12 – Sábado - Missa véspera de Natal as 20h na Matriz. Não haverá missa na capela Nossa Senhora da Penha.25/12 – Domingo – Missa de Natal na capela Nossa Senhora de Lourdes as 08:30h, na capela Nossa Senhora da Penha as 10h e na matriz as 19h.

Não Haverá Missa as 07h e as 10h na matriz.

26/12 – 2ª Feira – Missa em ação de graças pelo 8º ano de ordenação sacerdotal do padre Gustavo Crepaldi as 20h na matriz.

30/12 – 6ª feira – Missa da Sagrada Família na Matriz as 20h. Participe com sua Família!31/12- Sábado – Missa Véspera de ano novo na matriz as 20h.

Não Haverá Missa na capela Nossa Senhora da Penha.

01/01 – Domingo - Missa de Ano Novo na capela Nossa Senhora de Lourdes as 08:30h, na capela Nossa Senhora da Penha as 10h e na matriz as 19h.

Não Haverá Missa as 07h e as 10h na matriz.Lembrando que toda a programação pode ser acompanhada no Evangelizador. Não perca a oportunidade de estar com Jesus em mais um aniversário. 

Geral| Nota de Falecimento

Com pesar comunicamos o falecimento de um dos pioneiros da Família de São Benedito, na Vila Falcão.

Ricieri Trevisan, também confrade da Conferência São Camilo de Lellis da Sociedade São Vicente de Paulo, será velado aqui na vila Falcão, velório Terra Branca.

Ricieri doou muitos e muitos anos de sua vida em prol de nossa paróquia de São Benedito, deixou exemplos de dedicação que foram, graças a Deus, seguidos por sua família, que também se dedica à comunidade.

Batalhou na construção de nosso templo atual com garra e dedicação.

Deus o tenha.

Aos familiares, nossas condolências e a certeza do dever cumprido e da sua presença junto ao Pai.

<<>>

Logo divulgaremos maiores detalhes.Paz e Bem.

Geral| Jubileu de Ouro - Mosteiro da Imaculada Conceição e S.José

50 anos das Irmãs Concepcionistas Franciscanas na Diocese de Bauru/SP

Mosteiro Imaculada Conceição e São José
Endereço: Estrada Vicinal Maria Domingues Veríssimo S/N
Cx. Postal 52  CEP 17490-971 Piratininga- SP – Tel: (14) 3265 – 1624
Site:htt://www.franciscanasconcepcionistas.blogspot.com
e-mail: mosteiro@moic.org.br

Em 08 de maio de 1965, Madre Gema do Mosteiro de Nossa Senhora das Mercês, da cidade de Itu, recebe uma carta do Bispo Diocesano de Bauru, Dom Vicente Marcket Zioni, pedindo a fundação de um mosteiro na diocese de Bauru.

 
 
Agenda
agenda indisponível no momento
 
Enquete
O que você acha mais legal na festa do Padroeiro.
Novena de São Benedito com as Pequenas comunidades
Sopão de São Benedito
Missa solene do Padroeiro
Missa sertaneja
 
Webrádio Famílias Online
Album de fotos
Celina Borges
Site desenvolvido por: imira.com.br
Push Money App Results